• Hafez al-Assad (1930 : 2000): Ele preferia ser temido do que amado

    0 standard